SENAR reúne 1.400 produtores de leite em Chapecó

24/11/2017

Brasília (24/11/2017) – Aproximadamente 1.400 produtores de leite atendidos pela Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e pelo Programa Mapa Leite em Santa Catarina participaram de um seminário para debater os avanços da bovinocultura de leite na sexta (24), em Chapecó. 

O Diretor-Geral do SENAR, Daniel Carrara, reforçou que a assistência técnica tem melhorado a produtividade e a qualidade de vida dos produtores. “A ATeG do SENAR tem uma grande visibilidade e  aceitação em Santa Catarina. Voltamos energizados com os resultados alcançados aqui”, destacou Carrara. 

O evento contou com a presença de autoridades locais, do presidente do Vice-Presidente de Secretaria da CNA e Sistema FAESC/SENAR-SC José Zeferino Pedrozo; do superintendente do SENAR de Santa Catarina, Gilmar Antônio Zanluchi; do representante do Ministério da Agricultura para o Mapa Leite, Lucas Fiúza e de presidentes de Sindicatos de Produtores Rurais de Santa Catarina.

Pedrozo destacou os efeitos do Programa AteG Bovinocultura de Corte e observou que Santa Catarina, pelas boas condições sanitárias apresentadas pode produzir para o mercado internacional. Informou que o Japão autorizou a entrada de leite brasileiro, situação que pode beneficiar os produtores e a indústria barriga-verde. Fez um apelo para que as indústrias promovam esforços de venda para atingir o mercado nipônico.

A Coordenadora do Projeto MAPA Leite no SENAR, Luana Frossard, disse que o evento superou as expectativas. “Os técnicos de campo do SENAR conseguiram mobilizar um grande número produtores para participarem desse importante debate sobre o desenvolvimento da cadeia produtiva do leite”, declara. 

De acordo com Luana, embora o preço do leite tenha caído muito, principalmente nos últimos seis meses, os produtores estão se mantendo firmes na atividade em função da ATeG. “Mesmo com todas as adversidades eles estão conseguindo se manter na atividade e sustentar a renda por meio da bovinocultura de leite”, observa Luana

Os produtores também assistiram à palestra sobre as tendências e perspectivas da economia brasileira, ministrada pelo economista-chefe da Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (FARSUL), Antônio da Luz. 

Ele apontou que a demanda mundial de alimentos crescerá de forma acelerada e que o Brasil precisa aumentar sua presença mundial. A Ásia é o continente com maior potencial de crescimento e o que encerra o maior desafio – é o mercado geograficamente mais distante para o Brasil.

O diretor executivo da AgriPoint e coordenador do MilkPoint, Marcelo Pereira de Carvalho, falou sobre a situação atual e as tendências para o mercado do leite em Santa Catarina e no Brasil.

O professor da Universidade Federal do Paraná José Roberto Canziani falou sobre o Conselho Paritário Produtor/Indústria do Estado de Santa Catarina (Conseleite) criado em 2007 pela Faesc e pelo Sindicato das Indústrias de Laticínios e Derivados de SC (SINDILEITE). O Conseleite apura, calcula e divulga mensalmente os preços de referência para o leite, balizando o relacionamento entre os produtores rurais e os laticínios. Ao final, o coordenador de Assistência Técnica e Gerencial na Bovinocultura de Leite Olices Osmar Santini destacou o apoio das cooperativas e das agroindústrias.

Também participaram do Seminário o deputado federal Valdir Colatto, o secretário-adjunto Airton Spies (representando o governador do Estado), os deputados estaduais Gelson Merísio e César Valduga, o superintendente do Sebrae Guilherme Zigelli, o presidente da Aurora e vice-presidente da Fiesc para o agronegócio Mário Lanznaster, o prefeito de Chapecó Luciano Buligon, o presidente do Conseleite Valter Brandalise, o representante do Ministério da Agricultura Lucas Fiúza de Moraes, o anfitrião presidente do Sindicato Rural de Chapecó Ricardo Lunardi, os vice-presidentes da Faesc Enori Barbieri, Antônio Marcos Pagani de Souza e João Francisco de Mattos e o superintendente do SENAR/SC Gilmar Antônio Zanlichi., entre outras lideranças.
                                                                                     

Assessoria de Comunicação do Sistema CNA/SENAR e do Sistema FAESC/SENAR-SC
Fotos: Junior Duarte
Telefone: (61) 2109 1419
cnabrasil.org.br
senar.org.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil